sexta-feira, junho 02, 2006

Onde estão os eleitores de Lula?


A pesquisa mais recente do Ibope (encomendada pela TV Globo) mostrou que Lula venceria já no primeiro turno: Lula 48% x Alckmin 18%. A vantagem de Lula aumentaria ainda mais ao excluir os votos brancos e nulos: Lula 62% x Alckmin 24%.

Eu, sinceramente, acho isso um fenômeno, uma grande incógnita! Das pessoas com as quais converso, nem dez por cento delas votam em Lula. Talvez meu círculo de amigos seja restrito demais (taxistas, caixas de supermercados, faxineira, professora, porteiro, jornalistas, estudantes...)!

Talvez o Ibope tenha passado tempo demais no Nordeste, onde o eleitorado de Lula chega a 68%. Região onde metade da população convive com a falta de informação e a fome. Segundo pesquisa do IBGE (maio/2006), dos 14 milhões de brasileiros que passam fome, metade está no Nordeste. É para lá que vão cerca de 54,7% dos recursos do Bolsa Família. Mesmo assim, eles continuam passando fome... os eleitores de Lula passam fome mas recebem o benefício, por isso votam em Lula...?

Voltando à região Sudeste, em São Paulo, um encontro recente entre empresários revelou algo inusitado. A maioria acredita que Lula seja reeleito, embora votem em Alckmim. Estavam reunidos trezentos e cinqüenta empresários. Destes, 93% disseram votar em Alckmim e apenas 5% votariam em Lula.

Se não são os taxistas, faxineiros, professores (pessoas comuns, em geral) e nem os empresários, quem são os eleitores de Lula? Quem? Quem? Quem? Hummm... além dos 68% dos nordestinos, talvez os integrantes das Organizações Não Governamentais (ONGs), Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIPs) e Fundações que levaram R$10,3 bilhões do governo federal nos últimos seis anos, entre eles, o MST. Pesquisa feita pelo site Contas Abertas, em março deste ano, mostra que entidades ligadas ao MST receberam (só no ano passado) R$ 9,5 milhões do Orçamento Geral da União (quantia quatro vezes maior do que a destinada ao movimento no último ano de governo de FHC, que foi de R$ 2,17 milhões).

O governo federal compra seus votos. De uma maneira ou de outra, compra. Se ele aplicasse os impostos corretamente, não precisaria comprar nada. Teria os votos como recompensa pelas rodovias recuperadas, hospitais dignos, moradia e emprego para todos. Mas, no Brasil, aplicação correta de impostos é utopia!

Pra finalizar, vale lembrar que o IBOPE errou feio ao divulgar que 55% dos brasileiros votariam contra a proibição da venda de armas e munição no país. O resultado final foi de 64% de vitória do Não. Um erro de 9%, bem acima dos 2% previstos pelo instituto. A justificativa para tal diferença é que o brasileiro ainda estava formando a opinião quando a última pesquisa foi feita, entre os dias 18 e 20 de outubro. O referendo aconteceu apenas 3 dias depois da pesquisa.

Vale a pena esperar a evolução dos números do IBOPE. Mas, mantenho minhas dúvidas... quem, afinal, representa estes 62% dos votos de Lula? Vale lembrar ainda que os eleitores do Nordeste equivalem a apenas 27% do total de eleitores do país.
Êta continha complicada de se entender!

9 comentários:

Maria Luiza Leal Meyer disse...

Érika, concordo plenamente com seu artigo.
Não consigo, como você, encontrar um único ser pensante, nas diversas áreas onde atuo e convivo, que vai votar no Lula.
E olha que convivo, pelas próprias características do meu trabalho, com representantes de quase todas ( senão todas ) as classes sociais, profissionais, entidades civis, ONGs, familiares, amigos, colegas.
Exceção feita, é claro, aos chiitas de esquerda.
Mas o Ibope é poderoso e, juntamente com a Rede globo, consegue eleger quem for do deu interesse...quem não gosta de se sentir vitorioso com a vitória do seu candidato?
E, já que ele está na frente (?), eu, como pertencente a essa manada de influenciáveis, como não vou ficar muito feliz dentro desse grande curral em que se tornou a política brasileira?

Júnia Turra disse...

É que nesta Matemática, entra o dinheiro do povo, os recursos naturais do país, que pertencem ao povo, mas tudo isto desviado e utilizado por uma máfia que n~ao aprendeu a fazer contas, n~ao do jeito que se aprende na escola. Aliás, esta turma desvia até a verba que seria para a Educac~ao e manda para estas Ongs... para o MST... como eu disse na coluna passada, que hoje em dia tem tudo, menos agricultor. Mas acredito que é falta de vis~ao da minha parte. Afinal, escrever no JB é coisa para o chefe do Mensal~ao, o Dirceuzinho, enquanto milhares de jornalistas est~ao desempregados. E assim como a dona da DAslu, os chef~oes do tráfico das pesquisas deveriam ser indiciados, assim como esta quadrilha que quer se manter no poder para construir "A GRande Albânia Companheira da América Latrina": com Chávez, Lula e aquele cocaineiro do gasoduto. Dá uma saudade do Geisel !!!

Paulo disse...

Erika,

Na verdade, em relação ao plebiscito sobre desarmamento, o erro do Ibope foi de 19% e não 9%. Explico-me: na pesquisa, se 55% eram a favor, naturalmente, 45% seriam contra (partindo apenas da possibilidade de "a favor" e "contra", sem contarmos os possíveis "não sabia").

Portanto, se o "não" venceu com 64% dos votos, o erro foi em 19 pontos percentuais.

Érika Bento Gonçalves disse...

Paulo, acho que são mesmo 9% de erro pq, na última pesquisa, o Ibope dava como vitória do NÃO por 55%. No final, o NÃO realmente venceu por 64%, ou seja, um erro de 9%.

Em seu comentário, vc disse que "na pesquisa, se 55% eram a favor, naturalmente, 45% seriam contra". Acho que houve uma confusão aí, concorda?

Obrigada por participar da discussão! Volte sempre!!!

Anônimo disse...

Achou os votos do Lula?

"Talvez o Ibope tenha passado tempo demais no Nordeste, onde o eleitorado de Lula chega a 68%. Região onde metade da população convive com a falta de informação e a fome."

Enganou-se. Sou nordestino e vejo que você está meio desinformada. Não está com fome, né?

Érika Bento Gonçalves disse...

Caro "anônimo",
vc é nordestino, não passa fome e nem votou em Lula. Foi isso que vc tentou dizer? Então vamos lá.

Primeiro, eu escrevi que 68% dos nordestinos votariam em Lula (segundo dados da pesquisa da época) e, se vc não votou, está dentro dos 32% que não votariam. Aliás, o final das eleições não surpreendeu. Segundo o tse (http://www.justicaeleitoral.gov.br/resultado/index.html), mais de setenta e sete por cento dos votos válidos daquela região foram para Lula. O nordeste foi responsável por 19.352.049 votos de Lula, mais de 33% da votação total do candidato petista.

Segundo, eu disse que metade do nordeste passa fome, segundo dados do IBGE (basta entrar no link indicado no blog). Se vc não passa fome, está dentro da outra metade, certo?

Portanto... não entendi a ironia do seu comentário. Mas, obrigada por ter participado! Volte sempre... os debates nos fazem amadurecer. Abraços!
Érika

PS: felizmente, nunca passei fome (e acredito que vc, atualmente, tb não passe). Porém, é pensando nestes 14 milhões de brasileiros, que espero que Lula e qualquer outro futuro presidente deixe de enfiar tantos milhões do nosso dinheiro no bolso e resolva este problema que parece nunca ter fim.

Anônimo disse...

Stop HARD WORKING)))
Only for man useful links )))

FOR FORCE buy viagra FOR REST casino
and for your girlfriend )))) flower grower


i think its will be usefull ))))))

I found a lot of interesting information for me ))) here )))) and i start prepare to 8 march )))))

Anônimo disse...

I start to women day prepear

I start to women day prepare……
I buy flower, viagra and xanax .....))))
But I have problem. I haven't women….
Help me please.

Anônimo disse...

[url=http://community.bsu.edu/members/buy+online+Viagra.aspx]Viagra without a prescription canadian[/url]